BUSCAR NO SITE:

Notícias

Mais de 200 pessoas são diagnosticadas com DST’s no Carnaval de Salvador

Testes rápidos são feitos com gota de sangue ou com saliva.

Postado em 14/02/2018 21:33 - Atualizado em: 14/02/2018 21:33
Share Button

Durante o período do carnaval, vários testes de doenças sexualmente transmissíveis (DST’s) foram realizados  e encontraram mais de 200 pessoas infectadas com alguma doença. O maior número foi de diagnosticados com sífilis (158 pessoas), seguido de HIV (28) e hepatites virais (16).

Foram realizados 5.088 testes rápidos até a noite desta segunda-feira (12), em dois postos que integram o projeto Fique Sabendo. Segundo a Secretaria de Comunicação (Secom), a maioria dos casos confirmados corresponde a foliões do sexo masculino (33%), já que eles realizaram mais testes do que as mulheres.

Os testes rápidos feitos com gota de sangue ou com saliva, a partir da qual a pessoa fica sabendo se está contaminado por alguma doença, costumam ser de triagem. Em casos positivos, o paciente é encaminhado para realizar exame confirmatório em uma unidade de saúde. Além dos postos de aplicação de testes, Salvador implementou como ação preventiva às DST’s, durante os eventos do Carnaval, a distribuição gratuita de preservativos em todos os circuitos da folia.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: