Esportes

Postado em 26/11/2017 8:10

Vitória vence de virada e rebaixa a Ponte em jogo encerrado após invasão de gramado

.

Share Button
Share Button

Foi na luta e na raça. Após fazer um primeiro tempo para ser esquecido e levar dois gols em 15 minutos, o Vitória voltou para o segundo tempo com outra partida e conseguiu uma virada heroica sobre a Ponte Preta, fora de casa.

Santiago Tréllez, duas vezes, e André Lima marcaram os gols do triunfo por 3 a 2, no Moisés Lucarelli. Lucca e Danilo marcaram para a Macaca.

Com o resultado, o Rubro-negro deu um importante passo para escapar do rebaixamento e se manter na Série A. O Leão foi aos 43 pontos, ultrapassou o Coritiba e assumiu a 15ª colocação.

Os comandados de Vagner Mancini voltam a campo no próximo domingo (2), contra o Flamengo, no Barradão.

O JOGO

Com atuação de time que quer ser rebaixado, o Vitória padeceu no primeiro tempo. Com uma atuação decepcionante, o Rubro-negro viu a Ponte Preta pressionar e marcar com facilidade.

Logo aos seis minutos, Wallace errou corte e deu de graça para Lucca. O atacante dominou e chutou forte. A bola ainda desviou em Geferson e morreu nas redes.

Já aos 15 minutos, Wallace apareceu negativamente mais uma vez. O zagueiro puxou a camisa de Léo Gamalho na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Danilo descolocou Fernando para aumentar.

O Rubro-negro ainda viu uma luz no fim do túnel aos 19 minutos. Rodrigo agrediu Tréllez, recebeu o cartão vermelho direto e foi expulso de campo.

Mesmo com um a mais, o Leão foi pequeno e só assustou aos 45 minutos. Após chute de Patric, Aranha deu rebote e David, sozinho na pequena área, só fez atrasar para o goleiro.

No segundo tempo, o Vitória diminuiu o placar aos 12 minutos. Após cobrança de escanteio de Carlos Eduardo, Danilinho desviou e André Lima completou de cabeça da pequena área.

Dois minutos depois, o time baiano chegou ao empate. Tréllez recebeu bola fora da área, arriscou o chute e contou com o desvio na zaga para enganar Aranha.

Já aos 36 minutos, em um belo contra-ataque, Carlos Eduardo serviu Danilinho, que na direita cruzou para Tréllez completar e virar a partida.

Foi o suficiente para a torcida da Ponte Preta quebrar alambrados do estádio e invadir o campo. Após mais de 30 minutos de paralisação, o árbitro Ricardo Marques Ribeiro optou por encerrar a partida para preservar a integridade dos atletas.

Ficha técnica

Ponte Preta 2 x 3 Vitória
Brasileirão Série A – 37ª rodada

Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data/Horário: 26/11/2017, às 16h (de Salvador)
Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA/MG), assistido por Guilherme Dias Camilo (FIFA/MG) e Sidmar dos Santos Meurer (CBF/MG). Assistentes adicionais: Wanderson Alves de Sousa (CBF/MG) e Jerferson Antônio da Costa (CBF/MG)
Cartões amarelos: Yago, Geferon, Wallace, Kanu (VIT); Jeferson, Wendel (PON)
Cartões vermelhos: Rodrigo (PON)
Gols: Lucca, Danilo (PON); André Lima, Tréllez-2 (VIT)

Ponte Preta
Aranha; Nino Paraíba, Luan Peres, Rodrigo e Jeferson; Elton, Wendel, Danilo Barcelos e Léo Artur; Lucca e Léo Gamalho. Técnico: Eduardo Baptista.

Vitória
Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Geferson; Ramon (Carlos Eduardo), Uillian Correia e Yago; David (André Lima), Neilton (Danilinho) e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.

Informações do Bocão News.

Anunciantes Premium!


Agência Projetus
Mares

Móveis Bom
Praia Grande

Escola de Karatê Dojo Guerreiro Samurai
Ilha Amarela

Raiprint
Ilha Amarela

JE Sinalização de Trânsito
Periperi

Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: