Notícias

Postado em 17/10/2017 7:51

Senado decide que Aécio deve retomar mandato

.

Share Button
Share Button

O Senado decidiu por 44 a 26 votos na tarde dessa terça-feira (17), que o senador Aécio Neves deve retomar o mandato. Análise foi por voto aberto e nominal no placar eletrônico: o voto “sim” mantinha a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de afastar Aécio. Eram necessários 41 votos, o que representava a maioria absoluta dos senadores.

Aécio foi citado na denúncia contra o presidente Michel Temer, acusado de receber 2 milhões de reais do empresário Joesley Batista, da J&F, além de atuar para obstruir a investigação da Lava Jato. O senador nega ter cometido crimes.

Em setembro, o STF decidiu pelo afastamento de Aécio e pelo recolhimento noturno. A decisão foi questionada: a dúvida era se o STF teria legitimidade para afastar parlamentares sem flagrante.

A decisão foi a plenário e prevaleceu o entendimento de que esse tipo de medida deveria passar pelo Congresso.

Veja como cada líder partidário encaminhou o voto de sua bancada:

O voto “sim” mantém a decisão do STF. O voto “não” rejeita a decisão do STF.

 


PMDB – voto “não”
PSDB – voto “não”
PT – voto “sim”
DEM – libera a bancada
PR – voto “não”, com exceção do senador Magno Malta
PP – voto “não”, com exceção da senadora Ana Amélia
PSB – voto “sim”
PSD – libera a bancada
Podemos – voto “sim”
PDT – voto “sim”
PPS – voto “não”
PSC – voto “sim”
Rede – voto “sim”
PTC – voto “não”
Pros – voto “não”

BUSCAR NO SITE: