BUSCAR NO SITE:

Notícias

Salvador pode ficar sem coleta de lixo se greve continuar

Postado em 25/05/2018 18:07 - Atualizado em: 25/05/2018 18:07
Share Button

A prefeitura de Salvador elaborou um plano para estocar 15 mil litros de combustível que poderão ser utilizados em caso emergenciais. A Guarda Municipal e a Transalvador foram “escaladas” pelo prefeito ACM Neto (DEM) para fazer a escolta da gasolina comprada em um distribuidor não revelado pelo gestor.

Em coletiva de imprensa, na tarde desta sexta-feira (25), o prefeito afirmou,  que se a polícia puder se unir à Transalvador e à Guarda Municipal será “melhor ainda”, mas que ele próprio assegurou o transporte.

O prefeito destacou três pontos prioritários na estratégia da gestão municipal para reduzir os efeitos da paralisação nacional dos caminhoneiros: saúde, limpeza urbana e transporte público.

A campanha de vacinação que acontece neste sábado está mantida. Os medicamentos e funcionamento das UPAs e centros médicos também não sofreram mudanças.

ACM Neto pediu para que a população seja “mais econômica na produção de resíduos”. Até a próxima segunda-feira (28) há condições de manutenção dos serviços, contudo, caso a paralisação não termine, a prefeitura vai sentar para reavaliar o cenário.

“Na segunda apresentaremos um plano para o funcionalismo público e para cada órgão da prefeitura”, declarou.

Outra questão é a do transporte. Os ônibus seguem tendo 80% da frota na rua em horários de pico, 40% nos outros horários. No sábado (26), segundo o prefeito, o sistema opera com 50% da capacidade e no domingo 30%. De acordo com o gestor, não haverá interrupção plena do transporte até a quarta-feira (30).

No que se refere ao lixo, existe um outro problema além da falta de combustível.

“A limpeza urbana talvez seja uma das nossas maiores preocupações porque não adianta a gente ter os caminhões circulando para fazer a coleta do lixo se a gente não consegue tirar o lixo da nossa estação de transbordo e levar para o aterro metropolitano. A interdição da CIA-Aeroporto está causando uma dificuldade de acesso. Pode ser que chegue num ponto que a estação de transbordo não tenha condições de receber mais lixo e nós tenhamos que suspender a coleta. Não chegou ainda neste momento”.

Obras

“Eu determinei a suspensão dos serviços de infraestrutura. Nós vamos deixar acumulados a nossa energia, nosso combustível para qualquer intercorrência emergencial. Estamos no período de chuvas e a gente não pode desconsiderar a ocorrência de alguma necessidade urgente”.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: