Notícias

Postado em 24/11/2015 12:13

Por falta de dinheiro, governo adia estreia do Afródromo no carnaval 2016

Projeto aconteceria no Parque de Exposições durante a folia.

Share Button
Share Button

Anunciado pelo governador Rui Costa como uma das novidades para o carnaval 2016, o Afródromo no Parque de Exposições teve sua estreia adiada. O projeto, idealizado por Carlinhos Brown, não vai sair do papel devido a dificuldade de captação de recursos e o pouco tempo para sua realização, explicou o secretário de Cultura, Jorge Portugal, em entrevista à rádio Metrópole.

“O governo não poderia nem deveria fazer isso sozinho. Claro que iríamos intervir em alguma coisa, mas não tudo. Precisaríamos de uma boa captação para viabilizar o Afródomo e não aconteceu. Nas conversas preliminares, chegamos ao valor de aproximadamente R$ 30 milhões. É arrojado para uma cidade do carnaval”, explicou Portugal.

O secretário adiantou que a previsão de lançamento agora é para 2017. “Ainda não deu certo para este ano, mas espero que seja em 2017. Tem que ser tratado com antecedência. Vovô do Ilê e o Olodum acharam melhor fazer com mais prudência”, completou.

Portugal lembou ainda que o local inicial seria no Comércio, mas a decisão foi mudada em reunião entre os grupos de matrizes africanas.  O secretário corou apoio das cervejarias para que o projeto seja realizado. “Faltou patrocinador. Aliás, as cervejarias, por exemplo, estão devendo aos blocos afros. Financiam camarotes, mas esquecem deles. E vovô do Ilê diz que quem mais bebe cerveja é negaiada”, afirmou.

BUSCAR NO SITE: