BUSCAR NO SITE:

Notícias

PF indicia mulher que espalhou ‘fake news’ sobre as eleições

A autora do vídeo pode ser condenada a até três anos de reclusão..

Postado em 19/10/2018 16:02 - Atualizado em: 19/10/2018 16:02
Share Button

No vídeo, ela disse que urnas eletrônicas foram fraudadas e enviadas para o Nordeste no primeiro turno das eleições, no último dia 7, o que explicaria o bom desempenho, naquela região, do candidato Fernando Haddad (PT).

 

A PF indiciou a mulher pelos artigos 324 e 325 do Código Eleitoral.

O primeiro estabelece como crime eleitoral “caluniar alguém, na propaganda eleitoral, ou visando fins de propaganda, imputando-lhe falsamente fato definido como crime”.

Segundo a PF, a autora do vídeo pode ser condenada a até três anos de reclusão.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) tem reafirmado a lisura do pleito e descartado fraude em urnas eletrônicas. Com informações da Folhapress.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: