Notícias

Postado em 21/09/2015 9:57

Petrobras demite 5 mil e mais cortes já estão previstos

Atual crise econômica dificulta recuperação da empresa estatal.

Share Button
Share Button

De acordo com informações da revista nacional Exame, a diretoria executiva da Petrobras aprovou, nesta última semana, o corte de cerca de 5 mil funcionários terceirizados. A notícia só faz ressaltar o péssimo momento que vive a estatal.

A dispensa de mão de obra é consequência da rescisão de contratos com prestadores e fornecedores de serviço. Ainda existem informações que a Petrobras não descarta aumentar as demissões para conter os gastos. Além disso, a economia do país e a desvalorização cambial não têm colaborado para a reorganização da empresa, que apresentou nas últimas semanas, perda no nível de investidores.

Na situação presente, a diretoria da Petrobras, no dia 30 de setembro, irá apresentar para o conselho de administração o plano de reestruturação organizacional. Na ocasião, serão discutidos formas para diminuir o volume de investimento até 2019.

BUSCAR NO SITE: