Internacional

Postado em 05/07/2016 7:20

Mulheres são queimadas em gaiolas de ferro por se recusarem a transar com militantes

.

Share Button
Share Button

Um grupo de mulheres da cidade de Mosul, no Iraque, foram queimadas vivas em gaiolas de ferro após terem se recusado a manter relações sexuais com combatentes do Estado Islâmico.

De acordo com informações do site The Independent, os militantes não aceitaram a negativa e executaram publicamente as 19 vítimas yazidis. “Elas foram penalizadas por se recusarem a ter relações sexuais com militantes do Estado Islâmico”, disse Abdullah al-Mall, um ativista local.

De acordo com testemunhas que presenciaram o ato de crueldade, “as meninas foram queimas até a morte, enquanto centenas de pessoas estavam assistindo. Ninguém podia fazer nada para salvá-las dessa brutal punição”.

Galeria de Fotos

Outras Notícias:

Caso de Policia

Polícia investiga restaurante chinês suspeito de servir pés humanos a cliente

Um restaurante chinês está sendo investigado suspeito de ter servido pés humanos a um cliente e...

Acidente Aéreo

Acidente com avião de carga deixa mais de 30 mortos no Quirguistão

Um avião de carga turco caiu nesta segunda-feira (16) perto do aeroporto de Manas, no Quirguistão,...

Caso de Policia

Professora dá presentinho e leva aluno virgem, de 14 anos, para o motel

A professora de inglês Yaira Cotto Flores, de 26 anos, causou escândalo na cidade de San Lorenbzo...

Chocante

Garoto é atacado com ácido por homem que estava a fim da mãe dele

    Um crime bárbaro chocou a cidade de Nova Delhi, Índia. Um homem sequestrou...

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BUSCAR NO SITE: