BUSCAR NO SITE:

Esporte Clube Bahia

Melhores momentos: Bahia vence Corinthians no apagar das luzes

Antes da bola rolar teve um minuto de silêncio em homenagem ao policial militar Gustavo Gonzaga, assassinado essa semana no bairro de Santa Cruz, em Salvador..

Postado em 14/06/2018 10:15 - Atualizado em: 14/06/2018 10:15
Share Button

O Bahia enfrentou a equipe do Corinthians na noite desta quarta-feira (13), às 21h45, na Arena Fonte Nova. O Tricolor teve uma boa atuação no primeiro tempo, criando inúmeras chances para abrir o placar, mas não foi capaz de ultrapassar o sistema defensivo dos visitantes. O prêmio ficou para o segundo tempo, aos 45 minutos o Bahia marcou com Mena, que havia entrado na segunda etapa.

Antes da bola rolar teve um minuto de silêncio em homenagem ao policial militar Gustavo Gonzaga, assassinado essa semana no bairro de Santa Cruz, em Salvador.

O JOGO

O Corinthians tentou iniciar a partida surpreendendo o Tricolor, mas a zaga esteve bem postada. Já o Bahia chegou com perigo pela primeira vez aos nove minutos. Gregore esticou a bola na ponta direita, Nino Paraíba evitou a saída, cruzou para a área,  Kayke meteu a cabeça na bola, mas ela foi caprichosamente para fora.

O Esquadrão chegou novamente aos 12 minutos da primeira etapa. Kayke cobrou falta, a bola desviou na barreira, e o goleiro do Timão colocou a mão nela para jogar para escanteio. No contra-ataque, Marquinhos Gabriel virou a bola para Maycon, que tocou para a passagem de Sidcley e ele ganhou escanteio.

No começo da partida o Bahia tentava realizar uma marcação sob pressão, fazendo com que o Corinthians saisse de trás no chutão. A linha formada por Régis, Zé Rafael e Élber estava bem avançada. Aos 19 minutos a pressão quase dá resultado. O zagueiro do Corinthians Henrique tentou afastar, Nino Paraíba ganhou na pressão, cruzou para a área, e Kayke quase marcou. Pedro Henrique apareceu para salvar.

Um minuto depois, após cobrança de lateral, a bola sobrou na área, e o goleiro do Timão saiu chutando para evitar a finalização de Élber. Só dava Bahia e aos 24 minutos uma nova chance, Régis mandou bola venenosa para o gol e o goleiro do Corinthians espalmou.

Ao final da primeira etapa Nino Paraíba cruzou, Henrique afastou e, no rebote, Zé Rafael finalizou à direita do gol de Walter. Boa chance do Tricolor!

Segunda Etapa

As duas equipes voltaram modificadas para o segundo tempo. No Corinthians, o lateral-esquerdo Sidclay deu lugar para o também lateral Juninho Capixaba, que jogou no Bahia no ano passado. Já no Tricolor, Élber cedeu lugar para Mena atuar no meio de campo.

A postura inicial do Corinthians foi ofensiva, diferentemente da primeira etapa. Com dois minutos de partida Pedrinho chutou na zaga, a bola sobrou para Rodriguinho que chutou muito mal.

Os donos da casa responderam com cinco minutos de partida. Régis roubou a bola de Juninho Capixaba, cruzou para a área, a bola sobrou para Mena, que pegou de primeira. O chileno exagerou na força e errou o alvo.

A melhor chance do jogo veio aos 13 minutos. Nino Paraíba cruzou, Pedro Henrique raspou a bola e ela sobrou para Mena, de frente, carimbar a trave em cabeçada venenosa. Dois minutos depois, Léo chegou à linha de fundo, cruzou, e Juninho Capixaba tirou parcialmente. Na sequência do lance, Gregore chuta por cima do gol.

O Corinthians tentava concentrar suas jogadas ofensivas pela ponta esquerda, com Marquinhos Gabriel. O atacante dava trabalho a Nino Paraíba.

Aos 22 minutos, o contestado Kayke deixou o campo sob vaias da torcida, em seu lugar o Tricolor apostou em Allione, que no últimos jogos tem entrado e dado conta do recado.

Aos 25, Nino Paraíba foi perfeito em um lance de gol para o Corinthians. Maycon buscou a tabela com Roger, recebeu na frente, mas Nino Paraíba evitou a conclusão a gol.

O goleiro Douglas Friedrich mais uma vez deixou o campo contundido e chorando muito. Aos 31 minutos, o arqueiro caiu sobre o braço e sentiu, no seu lugar entrou o goleiro Anderson.

O Bahia tentou abrir o placar novamente aos 34 minutos, quando Régis recebeu cruzamento de Mena e chutou de primeira, o goleiro do Timão estava bem na bola e pegou. No minuto seguinte Zé Rafael arriscou de longe, mas Walter pegou firme.

Walter! O ponteiro marcava 40 minutos, quando Zé Rafael costurou a defesa do Timão, bateu com perigo, mas parou no goleiro do Corinthians. Na sequência, mais pressão Tricolor, Allione bateu escanteio, Lucas Fonseca desviou, e o goleiro do Timão meteu a mão na bola.

Aos 42, os visitantes desperdiçaram uma chance incrível. Maycon chutou de fora, Anderson espalmou. Sheik pegou o rebote, chutou na trave e, na volta, a bola passou no meio das pernas de Maycon, que estava sozinho, com o gol livre.

Mas o Bahia foi premiado no final da partida. Régis puxou contra-ataque pela direita, abriu bola para Mena, que encheu o pé e marcou o gol do Bahia na Fonte Nova. 1 a 0 Bahia!

FICHA TÉCNICA
Bahia 1 x 0 Corinthians
Campeonato Brasileiro – 12ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 13/06/2018 (domingo)
Horário: 21h45
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza (ambos do RS)
Adicionais: Daniel Aloysius Soder e Roger Goulart (ambos do RS)

Cartões amarelos: Gregore, Flávio (Bahia) / Júnior Dutra (Corinthians)

Gol: Mena

Bahia: Douglas (Anderson); Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Elton, Gregore e Régis; Élber (Mena) e Zé Rafael; Kayke (Allione). Técnico: Cláudio Prates.

Corinthians: Walter, Mantuan, Pedro Henrique, Henrique e Sidcley (Juninho Capixaba); Gabriel, Maycon, Marquinhos Gabriel (Júnior Dutra), Rodriguinho e Pedrinho; Roger. Técnico: Osmar Loss.

Confira os melhores momentos:

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: