BUSCAR NO SITE:

Notícias

Manifestantes fecham via no bairro de Águas Claras, em Salvador

Segundo a PM, grupo protesta contra morte de homem em confronto com policiais, na região, ocorrida na segunda-feira (8)..

Postado em 12/01/2018 18:28 - Atualizado em: 12/01/2018 18:28
Share Button

Um grupo de pessoas fechou os dois sentidos da Rua Presidente Médici, no bairro de Águas de Claras, em Salvador, na tarde desta sexta-feira (12). De acordo com a PM, a manifestação foi contra a morte de um homem, ocorrida na região na segunda-feira (8), em um confronto com policiais militares.

O protesto começou por volta das 12h. Segundo a polícia, os manifestantes queimaram lixo e objetos na rua para obstruir a via. Uma equipe do Corpo de Bombeiros apagou as chamas e a via foi liberada.

Agentes da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) acompanharam a manifestação. Não houve presos e nem feridos. Conforme a PM, por volta das 16h30, o trânsito fluia normalmente na região.

Confronto

Em nota, a Polícia Militar informou que agentes da Rondesp Central estavam realizando incursões, rondas e abordagens, na localidade conhecida como Tubão, em Águas Claras, por volta das 12h de segunda-feira, quando foram recebidos a tiros por cerca de 10 indivíduos armados.

Houve revide e um dos indivíduos foi baleado. Segundo a PM, o rapaz, que não teve a identidade divugada, foi socorrido pela guarnição e levado para o Hospital Professor Eládio Lasserre, mas não resistiu aos ferimentos.

A polícia informou que foram apreendidos com o suspeito baleado um revólver calibre 38, 63 pedrinhas de crack e 11 trouxinhas de maconha. O caso foi registrado na Corregedoria da PM e também será apurado pela Polícia Civil.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: