Notícias

Postado em 02/07/2016 12:11

Comerciários ameaçam fazer greve por falta de reajuste salarial da categoria

.

Share Button
Share Button

O Sindicato tem recebido diversas denúncias de trabalhadores, que deixam claro que os lojistas apostam na desmobilização dos trabalhadores para continuar explorando os comerciários.

Comerciários de diversas lojas dizem que os empresários estão fazendo circular a ideia de que o Sindicato quer fazer greve porque é um ano de eleições.

Não senhores empresários! Nós queremos fazer greve porque é um absurdo que os senhores não queiram respeitar os trabalhadores e lhes oferecer um reajuste decente, que reponha a inflação.

 

Os lojistas estão debochando dos comerciários, dizendo que os trabalhadores são desunidos, desmobilizados e assim é fácil argumentar com crise e desemprego. Além disso, se utilizam do exemplo da Convenção Coletiva de outros estados.

O que eles estão dizendo, na verdade, é que vão ameaçar os trabalhadores com o desemprego, para que desta forma, eles não se mobilizem.

Estão nos desafiando e subestimando a capacidade dos comerciários de lutar por seus direitos.

 

Além disso, há diversas Convenções Coletivas pela Bahia afora que demonstram que são os lojistas de Salvador que estão atrasados e agindo como os patrões da idade da pedra.

Vejam os exemplos de Convenções Coletivas de Trabalho abaixo:

CCT’s da Bahia

Alcobaça 12,00%
Juazeiro 11,79%
Itamaraju 11,68%
Castro Alves 11,31%
Itaberaba 11,31%
Valença 11,30%
Salvador (SetorSupermercados) 11,10%
Lauro de Freitas 11,07%
Irecê 9,05% (Obs. sendo que quando Irecê fechou a CCT, o acumulado de 9 meses era de 6%, ou seja, tiveram ganho real de mais de 3%)

Fontes:Comerciariossalvador

Galeria de Fotos

BUSCAR NO SITE: