BUSCAR NO SITE:

Politica

Leo Prates incentiva liderança entre jovens

Presidente da Câmara participou de entrega de certificados de cursos da ONG Parque Social.

Postado em 24/04/2018 23:33 - Atualizado em: 24/04/2018 23:33
Share Button

Ao ouvir a experiência de alunos que participam dos projetos promovidos pela ONG Parque Social, o presidente da Câmara Municipal de Salvador, vereador Leo Prates (DEM), conversou com os jovens sobre os desafios da nova geração de líderes. Prates estimulou os aprendizes a usar os conhecimentos adquiridos nas capacitações em prol das comunidades às quais pertencem.

O encontro foi durante a atividade Comunidade em Foco – Refletindo Conceitos e Disseminando Práticas na Área de Empreendedorismo Social e Desenvolvimento Local, na sede da ONG, no Parque da Cidade, na tarde de segunda-feira (23). A programação incluiu entrega de certificados de conclusão de cursos dos projetos Líder Empreendedor Social, Jovem Monitor de Turismo e Jovem Líder Empreendedor e apresentação de novos programas.

“A qualificação de jovens e de lideranças permitirá o desenvolvimento de uma militância social. Estar próximo desses jovens é uma oportunidade de nos oxigenarmos, de ouvir e aprender”, disse Prates. Ele destacou a importância do trabalho da ONG, que anuncia novos cursos, “trazendo a perspectiva de muitas mudanças sociais”.

O trabalho do Parque Social, por meio da presidente Rosário Magalhães, na opinião do presidente da Câmara é fundamental para o futuro da cidade. “Muitos desses jovens serão uma influência positiva para suas comunidades, evitando que outros sigam por um caminho de drogas e marginalidade, por exemplo. Serão líderes transformadores de suas comunidades”, destacou.

 

Inovação

“O Parque Social atua acreditando no potencial inovador e transformador das pessoas e comunidades e vem fazendo um trabalho de desenvolvimento”, disse a presidente da ONG, Rosário Magalhães, agradecendo o apoio de todos para o fortalecimento das ações.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, o vereador licenciado Claudio Tinoco (DEM), salientou que os projetos possibilitam a atuação de jovens como monitores de turismo. “Eles têm entre 16 e 17 anos e ainda não estão efetivamente no mercado de trabalho. São motivados pela vocação, ou pela instrução, com a possibilidade de atuar na principal indústria empregadora de Salvador, o turismo, que precisa de mão de obra mais qualificada”, observou. E sinalizou que os jovens podem atrair um outro olhar para o turismo, explorando novos aspectos da vida da cidade.

Concluinte do Curso Jovem Líder Empreendedor Social, Eric Gomes contou a experiência de fazer um intercâmbio em São Paulo a partir do projeto. “Foi uma transformação muito grande em minha vida. Esse projeto mostra como podemos ser empreendedores, ter ideias inovadoras com fundo social, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da sociedade”, disse. “Me sinto um agente transformador depois desse curso”, comemorou.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: