Notícias

Postado em 08/09/2015 8:14

Justiça relaxa prisão e padrinho de Marcos Vinícius responderá em liberdade

Acusado confessou ter enterrado o corpo do pequeno Marcos Vinicius.

Share Button
Share Button

A Justiça acatou pedido da defesa de Rafael Pinheiro de Jesus, 28 anos, e concedeu o relaxamento da prisão do acusado, que confessou ter enterrado o corpo do pequeno Marcos Vinicius, de 2 anos, no fim do mês de agosto. De acordo com informações da assessoria de comunicação da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), ele saiu no final da tarde desta terça-feira (8) do Centro de Observação Penal (COP) do Complexo Penitenciário da Mata Escura. O padrinho de Marcos Vinícius irá responder em liberdade até o dia do julgamento, que ainda não tem nada prevista para ocorrer.

A criança, que tinha intolerância a lactose, teria ingerido um mingau à base de leite dado por Rafael. Ele também teria colocado o corpo em uma caixa térmica antes de enterrá-la num matagal do bairro. O corpo do garoto foi encontrado no dia 19 de agosto. Rafael estava no COP do complexo penal, local adequado para presos com perfis especiais, a exemplo de pessoas com idade avançada, ex-militares, ex-servidores públicos e custodiados, cuja natureza do delito promove algum risco a vida dele, como o caso do Rafael.

Ainda de acordo com a Ascom / Seap, Rafael estava cumprindo prisão preventiva e não por condenação.

BUSCAR NO SITE: