BUSCAR NO SITE:

Notícias

Juíza determina soltura de Fábio Assunção e dá 48h para pagar fiança

A decisão da magistrada aconteceu durante a audiência de custódia realizada no Fórum da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo.

Postado em 03/05/2018 20:06 - Atualizado em: 03/05/2018 20:06
Share Button

juíza Gabriela Marques da Silva Bertolli determinou na tarde desta quinta-feira (3) a soltura de Fábio Assunção, 46, e elevou o pagamento da fiança de R$ 30 mil para R$ 48 mil. O ator foi indiciado sob suspeita de embriaguez ao volante, e terá a sua habitação de motorista suspensa por um ano. Ele aguardará o processo em liberdade.

A decisão da magistrada aconteceu durante a audiência de custódia realizada no Fórum da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo. Durante o julgamento, Assunção se comprometeu a pagar a fiança no valor de 50 salários mínimos -atualmente, o salário mínimo é de R$ 954.

Assunção foi detido após bater seu carro contra outros dois nos Jardins. Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro e foi encaminhado para a 78ª DP, na rua Estados Unidos, também nos Jardins.

A PM informou que o ator apresentava sinais visíveis de embriaguez, mas se recusou a fazer o teste do bafômetro no local do acidente.

A Globo afirmou que a prisão de Fábio Assunção não afetará as gravações de “Onde Nascem os Fortes”.

OUTRAS DETENÇÕES

Em junho de 2017, Fábio Assunção foi preso em flagrante na cidade de Arcoverde (sertão de Pernambuco), sob acusação de dano qualificado ao patrimônio público, desacato a autoridade, desobediência e resistência a prisão.

Em nota oficial, a polícia informou que o ator teria se envolvido em uma briga no Pátio de Eventos da cidade e ficado agressivo. No caminho, os policiais foram informados que Fábio estava ameaçando duas jovens.

Ao tentar ser conduzido para a delegacia, novamente o ator ficou agressivo e se negou a entrar na viatura, sendo necessário o uso de algemas. Quando os policiais o colocaram na viatura, ele quebrou o vidro traseiro do carro.

Em um dos vídeos que circulou na internet, ele apareceu no chão, sendo ofendido por moradores, que o acusaram de “acabar com o São João” da cidade. Em outro vídeo, Assunção aparece pedindo para “chamar o sargento” porque quer “olhar no olho dele”. Com informações da Folhapress.

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: