Notícias

Postado em 15/03/2016 11:09

Igreja Batista aprova batismo de homossexuais e recebe críticas: “Aberta demais”

.

Share Button
Share Button

Uma igreja batista em Maceió (AL) tomou uma decisão polêmica recentemente e definiu que irá celebrar batismos de homossexuais.

A Igreja Batista do Pinheiro decidiu, em assembleia extraordinária no último dia 28 de fevereiro, que permitirá que homossexuais tornem-se membros da comunidade e sejam batizados sem que precisem abandonar a prática.

Segundo informações do site GazetaWeb, a aprovação da medida aconteceu com 129 votos a favor, três contrários e 15 abstenções.

O pastor da igreja, Wellington Santos, afirmou que a denominação vinha discutindo o assunto há dez anos. “A comunidade, de forma muito amorosa e respeitosa, foi permitindo que irmãos e irmãs homossexuais pudessem exercitar seus dons de forma espontânea. Na Igreja Batista do Pinheiro, nossos irmãos e irmãs já foram aceitos em amor, nos corações e na convivência harmoniosa”, afirmou.

Santos relatou ainda que, ao longo dos anos, o ambiente conturbado por conta do tema foi sendo trocado pela aceitação, e os frequentadores homossexuais já atuavam na comunidade, participando do Ministério de Juventude, Escola Bíblica e até da Comissão Jurídica da congregação.

Criticado por tornar a igreja “aberta demais”, o pastor Wellington Santos argumenta: “Jesus foi rotulado pelos fariseus de muitas coisas que eram inverdades (Mateus 10:24-26 e 11:19). Não perdemos tempo rotulando ninguém. É bom destacar que ser considerada uma igreja aberta por amar incondicionalmente e seguir radicalmente o caminho de Jesus quando afirmou que não veio julgar e sim salvar (João 12:47), para nós é elogio. Não queremos ser juízes de ninguém, mas sinal de esperança e descanso para os que estão cansados e sobrecarregados com julgamentos e acusações (Mateus 11:28-30)”.Opostos

O pastor Igreja Assembleia de Deus, teólogo e bacharel em Direito José Laelson da Silva afirmou que a maioria das denominações cristãs discorda da decisão da Igreja Batista do Pinheiro: “Não oportunizamos que a pessoa que está na prática do homossexualismo se torne membro da igreja. Recebemos quem porventura se diga homossexual e as portas estão abertas sem nenhuma discriminação, mas não permitimos que se torne membro, o que acontece pelo batismo nas águas”, opinou.

Galeria de Fotos

Outras Notícias:

IPVA

Veículos com placas de final 7 e 8 têm desconto de 5% no IPVA até esta semana

Os contribuintes que possuem veículos com placas de final 7 e 8 têm até esta quinta (27) e a sext...

Coutos

Voluntários realizaram mutirão de limpeza para combate da dengue em Coutos

Os moradores de Coutos realizaram neste final de semana um mutirão de limpeza para combater focos d...

Paripe

Mototaxistas protestaram em Paripe contra más condições de pista na BA-528

Um grupo com cerca de 40 motociclistas protestou na tarde desta terça-feira (25), no bairro de S...

Paripe

Mototaxista é morto após falsa corrida em Paripe, diz polícia

Um mototaxista morreu após ser baleado em um assalto na orla de São Tomé de Paripe, em Salvador...

Comentários:

BUSCAR NO SITE: