Bahia

Postado em 19/04/2016 5:46

Governo aprova alta absurda na conta de luz na Bahia e mais quatro estados do Nordeste

.

Share Button
Share Button

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vinculada ao Ministério de Minas e Energia do Governo Federal, autorizou nesta terça-feira (19) o aumento das tarifas de energia de quatro distribuidoras que atendem estados do Nordeste. Os reajustes entram em vigor na sexta-feira (22) e atingem consumidores daBahia, Ceará, Rio Grande do Norte e Sergipe.

O aumento médio das tarifas da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) será de 10,72%, segundo decisão da Aneel. Para a baixa tensão (residências e comércio), a alta média será de 10,76%. Já para a alta tensão (indústria), a média do aumento será de 10,64%. A distribuidora atende 5,7 milhões de consumidores.

Para a Companhia Energética do Ceará (Coelce), que atende 3,4 milhões de consumidores, o aumento médio será de 12,97%. Para residências e comércio, a alta média será de 13,64%. Já para a indústria, a média do aumento será de 11,51%.

O aumento médio das tarifas da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) será de 7,73%. Para os clientes residenciais, a alta média será de 7,78%. Para as indústrias, será um pouco menor, de 7,61%. A distribuidora atende 1,3 milhão de clientes.

Para a Energisa Sergipe, que atende cerca de 735 mil clientes naquele estado, o aumento médio autorizado pela Aneel foi de 5,24%. Os clientes residenciais terão um aumento médio de 5,55%, enquanto a média do aumento para a indústria é de 4,74%.

Reajuste
Todos os anos, as distribuidoras passam por um processo de reajuste de suas tarifas, que pode levar a aumento ou queda, dependendo do que for apurado pela Aneel.

Em 2015, a agência autorizou altos reajustes devido ao encarecimento da energia no país, provocado pela queda no nível dos reservatórios das principais hidrelétricas do país e o uso mais intenso de termelétricas (usinas que geram eletricidade mais cara porque funcionam por meio da queima de combustíveis como óleo e gás).

Para os consumidores do Norte e do Nordeste, no entanto, a conta de luz no ano passado subiu menos que a de outras regiões. Isso porque a lei prevê que a maior parte dos custos seja bancado pelos consumidores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste. (Com informações de Laís Alegretti/ G1 Brasília)

Galeria de Fotos

Outras Notícias:

Esporte

Preto Casagrande diz que Bahia perdeu o jogo para o Furacão nos detalhes

Neste domingo (13), o Bahia foi goleado para o Atlético Paranaense por 4 a 1, na Arena da Baixada, ...

Lobato

EXCLUSIVO! Motorista leva fechada e capota veiculo na Av Suburbana nas imediaç

Um veiculo do modelo HB20 da Cor Branca acaba de capotar nesta tarde de Domingo(13), Dia dos pais, s...

Campus Party Bahia

Campus Party Bahia terá primeiro espaço exclusivo para crianças

De 9 a 13 de agosto, a Arena Fonte Nova vai sediar a primeira edição baiana da Campus Party, resul...

Programa Social

Inscrições para Bolsa Atleta começam na terça-feira (8)

As inscrições para a nova chamada do programa Bolsa Atleta começam na terça-feira (8) e segu...

Comentários:

BUSCAR NO SITE: