Internacional

Postado em 30/09/2015 1:58

Estado Islâmico executou quase 2 mil pessoas em seis meses, diz organização

O grupo militante Estado Islâmico matou 1.878 pessoas na Síria nos últimos seis meses, a maioria civis, disse uma organização de monitoramento síria baseada na Grã-Bretanha neste domingo..

Share Button
Share Button

BEIRUTE (Reuters) – O grupo militante Estado Islâmico matou 1.878 pessoas na Síria nos últimos seis meses, a maioria civis, disse uma organização de monitoramento síria baseada na Grã-Bretanha neste domingo.

O Estado Islâmico também matou 120 de seus próprios membros, a maioria deles combatentes estrangeiros que tentavam voltar para casa, nos últimos dois meses, de acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

O grupo militante tomou vastas partes do Iraque e da Síria e declarou um califado no território sob seu controle em junho. Desde então, tem lutado contra os governos da Síria e do Iraque, outros insurgentes e forças curdas.

Rami Abdulrahman, chefe do grupo de monitoramento da Síria, disse à Reuters que o Estado Islâmico matou 1.175 civis, incluindo oito mulheres e quatro crianças.
Ele disse que 930 dos civis eram membros da Sheitaat, uma tribo muçulmana sunita do leste da Síria, que lutou contra o Estado Islâmico pelo controle de dois campos de petróleo em agosto.

A Reuters não pôde verificar independentemente os números, mas o Estado Islâmico tornou públicos decapitamentos e apedrejamentos de muitas pessoas em áreas que controla na Síria e Iraque, pelo que classifica como violações de sua leitura da lei islâmica, como adultério, homossexualidade, roubo e blasfêmia.

(Por Oliver Holmes)
Copyright Thomson Reuters 2012
Fonte: R7 Internacional

Outras Notícias:

Mundo

Finlândia: ataque terrorista foi ação de marroquino de 18 anos

O ataque desta sexta-feira (18) em uma região central da cidade de Turku, no sudoeste da Finlândi...

Portugal

Árvore cai em festival religioso, mata 12 pessoas e deixa outras 52 feridas; v

A queda de uma árvore durante um festival religioso provocou a morte de 12 pessoas e deixou outras ...

Coisa do Capeta!

Em homenagem ao Diabo, homem muda nome para Lúcifer

Um homem, morador da região de Sverdlovsk, na Rússia, conseguiu mudar seu nome de batismo e passou...

Vaticano

Papa Francisco saúda casal gay de Curitiba por batizar filhos

Um assessor do papa Francisco cumprimentou em nome do pontífice um casal homossexual de Curitiba pe...

Comentários:

BUSCAR NO SITE: