Bahia

Postado em 30/08/2016 1:43

Criança que morreu após tomar achocolatado pode ter sido envenenada

A Polícia Civil investiga o caso, ocorrido na semana passada, na cidade de Cuiabá, estado do Mato Grosso.

Share Button
Share Button

O menino Rhayron Cristian da Silva, de apenas dois anos, que morreu na semana passada, cidade de Cuiabá, estado do Mato Grosso, após tomar um achocolatado da marca Itambézinho, pode ter vindo a óbito por causa de envenenamento ao invés de problema na formulação do produto, como suspeito inicialmente.

O dono de um dos mercadinhos do bairro teria colocado veneno no produto porque um jovem infrator costumava adentrar em seu estabelecimento a noite, durante a madrugada, e roubar alimentos, entre eles, achocolatados. A Polícia Civil investiga o crime.

BUSCAR NO SITE: