BUSCAR NO SITE:

Esporte Clube Bahia

Bahia vence o Botafogo nos pênaltis e vai às quartas da Sul-Americana

Postado em 04/10/2018 6:08 - Atualizado em: 04/10/2018 6:08
Share Button

 

Em partida disputada na noite desta quarta-feira (03), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, o Botafogo venceu o Bahia pelo placar de 2 a 1 na partida de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Como o jogo de ida havia sido vencido pelo tricolor pelo mesmo placar, a decisão da vaga foi para os pênaltis. Na disputa das penalidades, o Esquadrão avançou após vencer por 5 a 4.

Essa é a primeira vez que o Bahia chega às quartas de final da Sul-Americana em sua história. Agora o tricolor enfrentará a equipe do Atlético-PR.

O JOGO

Depois de alguns minutos de estudo entre as duas equipes, o Bahia mostrou que não ficaria apenas se defendendo e passou a ocupar o campo de ataque. Já o time da estrela solitária, que tinha maior posse de bola, investia bastante em jogadas pela esquerda, com a dobradinha entre Pimpão e Moisés explorando os espaços deixados por Nino.

O primeiro lance de claro perigo foi do Botafogo. Aos 16 minutos, após cruzamento da esquerda, Kieza ajeitou de cabeça para Lindoso, e o volante, na linha da pequena área, chutou forte para grande defesa de Douglas. A resposta tricolor veio aos 19 minutos, com Gilberto, que roubou a bola de Igor Rabello, avançou pela direita, entrou na área e finalizou na rede pelo lado de fora.

Até que aos 25 minutos, o zagueiro Douglas Grolli falhou ao tentar dominar uma bola na intermediária, o atacante do Botafogo, Rodrigo Pimpão, roubou a bola, avançou em velocidade e tocou com categoria na saída do goleiro para abrir o placar.

Apesar do gol sofrido, o Bahia não se desarrumou e seguiu chegando na frente. Desta forma, aos 32 minutos, após sobra em cobrança de escanteio, Vinícius cruzou a bola pela esquerda para Gilberto, o centroavante ajeitou de cabeça para a finalização de primeira de Edigar Junio, tudo empatado.

Como era de se esperar, o time carioca passou a se lançar mais ao ataque, diante da necessidade do resultado, até que chegou ao segundo tento aos 39 minutos. Com a defesa do Esquadrão bastante adiantada, Lindoso acertou um ótimo passe em profundidade para Luiz Fernando, que saiu cara a cara com o goleiro Douglas, o driblou, e tocou para o fundo da rede vazia. Depois disso, pouca coisa aconteceu na primeira etapa.

2º TEMPO

A segunda etapa começou bastante movimentada, com o time da casa indo para cima logo de cara e do outro lado o tricolor respondeu com Gilberto, que ganhou uma disputa, entrou na área, mas se desequilibrou no momento do chute e mandou pela linha de fundo. O alvinegro, por outro lado, investia bastante em jogadas pela direita e sempre chegava com algum perigo.

Mesmo jogando fora, o tricolor passou a tocar mais a bola no chão e durante os 15 primeiros minutos ocupou mais o campo de ataque. Diante disso, o técnico Zé Ricardo, aos 16 minutos, sacou o volante Matheus Fernandes e colocou em campo o meia Renatinho, numa tentativa de ter mais poder de armação no meio de campo.

O Esquadrão passou a maior parte da segunda etapa com a bola em seu domínio e trabalhando ela no campo de ataque, porém, criou poucas chances de gol. Aos 39 minutos, após boa jogada de Renatinho, a bola sobrou para Pimpão, na esquerda, finalizar forte para defesa de Douglas, no rebote Lindoso bateu da entrada da área para defesa firme do arqueiro tricolor.

Os minutos finais da partida foram de muita intensidade, com as duas equipes buscando o gol da classificação e também deixando muitos espaços para contra-ataques. Porém, os dois times não conseguiram ser eficientes nas chegadas ao ataque e a decisão da classificação foi para a disputa de pênaltis.

PÊNALTIS

Na disputa de pênaltis, apenas Marcinho para o Botafogo, e Jackson para o Bahia, perderam nas cinco primeiras cobranças. Até que na primeira rodada das penalidades alternadas, o lateral-esquerdo Moisés, ex-Bahia, bateu para defesa de Douglas. Na ver Tricolor, Fávio converteu e classificou o Bahia.

FICHA TÉCNICA
Botafogo (4) 2 x 1 (5) Bahia – Oitavas de final da Copa Sul-Americana (Jogo de volta)

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data e horário: Quarta-feira, 3 de outubro de 2018, às 21h45
Árbitro: Germán Delfino (ARG)
Assistentes: Gustavo Rossi (ARG) e Ezequiel Brai Lovsky (ARG)
Cartões: Matheus Fernandes (Botafogo) / Vinícius (Bahia)
Gols: Rodrigo Pimpão e Luiz Fernando (Botafogo) / Edigar Junio, Flávio e Nino (Bahia)
Gols na disputa de pênaltis: Lindoso, Aguirre, Kieza e Renatinho (Botafogo) / Gilberto, Zé Rafael, Allione, Nilton e Flávio (Bahia)
Público: 28.256 pagantes e 30.234 presentes
Renda: R$ 496.410,00

Escalação do Botafogo:
Saulo; Marcinho, Carli, Igor Rabello e Moisés; Matheus Fernandes, Rodrigo Lindoso e Gustavo Bochecha (Marcelo Benevenuto); Luiz Fernando (Aguirre), Rodrigo Pimpão e Kieza.
Técnico: Zé Ricardo.

Escalação do Bahia:
Douglas; Nino Paraíba, Tiago (Jackson), Douglas Grolli e Flávio; Nilton e Elton, Vinícius (Allione), Edigar Junio (Clayton) e Zé Rafael; Gilberto.
Técnico: Enderson Moreira.

 Por: Felipe Oliveira / EC Bahia Por: Redação Galáticos Online

Outras Notícias

Anunciantes Premium!


Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: