Notícias

Postado em 27/07/2016 3:31

Avenida Suburbana é que tem mais mortes em acidentes com motos em Salvador

.

Share Button
Share Button

A Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida como Suburbana, é a via que registrou o maior número de acidentes com mortes envolvendo motos, esse ano. O motociclista Valdeck dos Santos, 32 anos,morreu na avenida hoje após um acidente com um Sandero prata. A moto de Valdeck bateu na lateral do carro e ele foi arremessado no canteiro central da avenida. Na mesma Suburbana, outras quatro pessoas morreram em acidentes com moto, segundo a Transalvador.

Contudo, de acordo com Marcelo Corrêa, da Transalvador, a situação na Suburbana hoje, pouco mais de um mês após a conclusão das obras de requalificação, é diferente. As obras, inclusive, foram motivadas pelo entendimento de que a via era a mais perigosa da cidade e precisava de mais fluidez e segurança. Embora ainda não tenha números sobre a mudança nas últimas semanas, ele destaca que as medidas já tiveram efeito. “Tomamos a decisão de fazer uma série de intervenções, como acabar com pontos de congestionamento e colocamos 11 faixas elevadas por sentido na avenida”, exemplifica.

Ao todo, foram 71 acidentes na avenida com 14 quilômetros de extensão, este ano, de acordo com a Transalvador. Em primeiro lugar, vem a Avenida Antônio Carlos Magalhães, com 89 acidentes com moto e duas mortes. Em seguida, vem a Avenida Luís Viana, a Paralela, com 86 casos – entre esses, duas mortes.

Para o diretor de trânsito da Transalvador, Marcelo Corrêa, o número de acidentes com moto na via está ligado à quantidade de mototociclistas que trafegam na região. “Tem muito acidente com moto pela característica social da população, que tem na moto um veículo muito importante para a mobilidade. É uma população que carece que um transporte público de melhor qualidade e ela enxerga na moto uma alternativa para o problema de mobilidade”, diz.

Além disso, para o professor Elmo Felzemburg, da Escola Politécnica da Universidade Federal da Bahia (Ufba), há uma combinação de questões técnicas e culturais. De acordo com ele, a situação da Suburbana é bem parecida com a da BR-324 – especialmente no trecho entre Candeias e Feira de Santana. “A geometria da via é estreita, de difícil circulação nesse sentido. E a coisa cultural é que, no Brasil, as pessoas não costumam trafegar com muita cortesia e não obedecem ao Código Trânsito Brasileiro, que diz que, no tráfego, os veículos mais pesados devem se comportar protegendo os mais vulneráveis, como pedestre, bicicleta e moto”.

De acordo com ele, a maioria dos acidentes acontecia por motivos como a própria extensão da via, além do fato de pessoas morarem em todo o entorno da avenida. “Também é uma avenida com passeios estreiros, então volta e meia as pessoas recorrem à via para circular. Outro motivo é a bebida alcoólica do pedestre, nem tanto do condutor. O pedestre vai andando pela pista e acontecia um acidente”, diz.

Quanto à topografia, Corrêa explica que foi ela possibilitou a construção da ciclovia, que tem 1m de extensão – o mínimo exigido por segurança. “Se tivesse 1,10m ou 1,20m não faria diferença para o ciclista, mas faria diferença para o transporte público, porque construímos a ciclovia estreitando o limite. Ficou 6,4m para a avenida, que é a dimensão exata para passar um ônibus e um caminhão ou dois ônibus. Se ficasse 6,3m, não daria. Antes, o ciclista ficava disputando espaço e hoje a situação está dentro do limite técnico que dá um nível de segurança maior”.

CORREIO

Galeria de Fotos

Outras Notícias:

Crime

Comerciante é baleado três vezes em tentativa de assalto

Um comerciante conhecido como “Aldo do Caldo de Cana”  foi baleado ao sofrer tentativa de assal...

Viirou Filme ??

DVD com massacre de Manaus vira sucesso de vendas; Disco já foi vendido em Salv

A trágica morte de 59 presos no Complexo Penitenciário Antônio Jobim (Compaj), em Manaus (AM), no...

Policia

Agente socioeducativo é morto com filho no colo no Uruguai

O agente Landislau Rabelo Oliveira, conhecido como Landinho, 39 anos, foi executado a tiros na porta...

Acidente Aéreo

Avião que transportava Teori não tinha caixa-preta, diz FAB

O avião que transportava o ministro Teori Zavascki e que caiu na tarde desta quinta-feira perto de...

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BUSCAR NO SITE: