Notícias

Postado em 14/03/2016 11:51

Após protesto, secretaria afirma que vai notificar empresas terceirizadas

.

Share Button
Share Button

Depois da manifestação dos professores e alunos dos Colégios Estaduais, em Cajazeiras, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia se posiciounou sobre o assunto, através de nota. De acordo com o grupo, o protesto é por conta da falta de limpeza nas escolas, realizada por funcionários de empresas terceirizadas. Segundo a secretaria, o estado está notificando oficialmente as empresas que apresentam irregularidades e que não estão efetuando os pagamentos em dia aos trabalhadores.

“As empresas que ainda estão com fatura a receber precisam apresentar documentação comprovando que já efetuaram o pagamento de seus funcionários. Os novos contratos serão regidos pela Lei Anticalote, o que garantirá maior segurança nas relações contratuais e, também, no pagamento aos funcionários terceirizados. A Lei Anticalote reforça a preservação de direitos essenciais, ao determinar que sejam retidos em conta benefícios trabalhistas. Evita, por exemplo, situações em que as empresas decretam falência e deixam de cumprir com as obrigações trabalhistas. Para isso, provisiona recursos relativos às férias, abono de férias, 13º salário, multa do FGTS por dispensa sem justa causa, bem como a incidência dos encargos previdenciários, sociais e FGTS sobre férias, abono de férias e 13º salário”, diz a nota.

Atualmente, dos 515 contratos de terceirizados do Estado, 341 já estão regidos pela Lei Anticalote. A Secretaria da Educação afirmou, ainda, que assegura o cumprimento dos 200 dias letivos e informa que será elaborado calendário especial para compensar as aulas nas escolas que tiveram as atividades suspensas.

Galeria de Fotos

Anunciantes Premium!


Móveis Bom
Praia Grande
10 Visitas

Bahia Máquinas
Garibaldi
13 Visitas

Escola de Karatê Dojo Guerreiro Samurai
Ilha Amarela
17 Visitas

JE Sinalização de Trânsito
Periperi
12 Visitas

Na Tanga Motos
Rio Sena
26 Visitas

Coloque o seu Anúncio aqui!

BUSCAR NO SITE: