Internacional

Postado em 27/09/2016 11:38

Alerta da OMS diz que 92% da população mundial respira ar poluído

No Brasil, cerca de 26 mil pessoas morreram em 2012 devido a essa poluição.

Share Button
Share Button

Agência O Globo

Ao menos 92% dos habitantes do planeta vivem em locais onde a qualidade do ar não se enquadra nos padrões fixados pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Num relatório divulgado nesta terça, o organismo expõe os índices de mortes causadas pela poluição nos diferentes países. A China, com 1 milhão de óbitos em2012, tem o pior cenário em números absolutos. Mas, quando se analisa a taxa de mortes por 100 mil habitantes, o Leste Europeu está em pior situação.

O Brasil teve 26,2 mil óbitos causados pela poluição em 2012, o que deixa o país em 17º lugar, segundo um ranking elaborado pelo jornal britânico “The Guardian” com os dados do relatório. Porém, considerando a taxa de mortes por habitantes, o país está em 158º lugar, com 13 óbitos por 100 mil pessoas.

— É necessário, de forma urgente, a adoção de medidas para se enfrentar a contaminação do ar — afirma Maria Neira, diretora do departamento de Saúde Pública da OMS — Existem soluções, como um transporte sustentável nas cidades, a gestão dos rejeitos sólidos e a utilização de cozinhas e combustíveis limpos nas residências, assim como o uso de energias renováveis e a redução das emissões industriais.

No relatório baseado em dados provenientes de mais de 3 mil locais – rurais e urbanos – a OMS conclui que 92% da população mundial vive onde os níveis da qualidade do ar não correspondem ao padrão em relação a partículas finas em suspensão, de menos de 2,5 micrômetros.

Estas partículas “incluem contaminantes como os sulfatos, os nitratos e a fuligem, que penetram profundamente nos pulmões e no sistema cardiovascular, o que representa um risco grave para a saúde humana”.

O organismo detectou que os níveis de contaminação são especialmente elevados no Mediterrâneo oriental, no Sudeste Asiático e no Pacífico Ocidental.

A OMS identifica como principais causadores da má qualidade do ar “os modos ineficientes de transporte, a queima de combustível nas residências e de rejeitos, as centrais elétricas e as atividades industriais”, mas também cita como fatores fenômenos naturais, como as tempestades de areia.

Graças aos novos dados existentes, os especialistas esperam poder alentar os Estados a realizar mais esforços para reduzir a contaminação do ar, especialmente após os líderes mundiais fixarem – em setembro de 2015 – como objetivo reduzir as mortes ligadas a esta ameaça até 2030.

A OMS estima que a cada ano cerca de 3 milhões de mortes estão relacionadas à exposição da poluição do ar em ambientes externos. Segundo os dados da organização em 2012, cerca de 6,5 milhões de mortes em todo o mundo, equivalentes a 11,6% do total, estiveram ligadas à contaminação do ar tanto em ambientes externos quanto internos.

Estas mortes são provocadas especialmente por doenças cardiovasculares, acidentes vasculares cerebrais pneumopatia obstrutiva crônica e câncer de pulmão, assinala a ONU, advertindo que a contaminação do ar também aumenta o risco de infecções respiratórias agudas.

Segundo a organização, cerca de 90% destas mortes ocorrem em países de renda média ou baixa, com dois a cada três óbitos em regiões do sudeste asiático e do Pacífico ocidental.

Outras Notícias:

Curioso!

Homem ‘morre’ 27 vezes ao ter infartos em série após jogar futebol

Ray Woodhall, de 54 anos, teve um infarto em dezembro passado após jogar seis partidas de futebol d...

Fiu Fiu!

Diarista cobra R$ 175 para fazer faxina completamente nua; veja fotos

Uma britânica chamada Deni Kirkova cobra 45 libras (algo em torno de R$ 175), para fazer uma hora d...

Será o fim do Planeta ?

‘Astrônomo’ russo afirma que asteroide vai se chocar com a Terra em

O fim do mundo tem uma nova data: 16 de fevereiro. Pelo menos é o que garante o auto-proclamado ast...

Mundo

Putin sanciona lei que permite bater na mulher uma vez por ano na Rússia

Vladimir Putin sancionou a lei que assegura aos maridos russos o direito de bater em suas mulheres e...

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BUSCAR NO SITE: