Notícias

Postado em 16/10/2015 11:11

Adolescente mata pai a facadas para defender irmão de 4 anos

.

Share Button
Share Button
Um soldado foi morto a facadas pela própria filha, de 17 anos, na madrugada desta quinta-feira (15), na cidade de Zé Doca, interior do Maranhão. De acordo com populares, a família tinha um relacionamento estável, mas Raimundo Vieira da Silva possuía problemas com o álcool e já havia ameaçado a família de morte.
Segundo a Polícia Militar e o site Portal da Feira, o homem chegou em casa alcoolizado e partiu para bater no filho mais novo, de quatro anos. Ao ver o irmão sendo agredido, a adolescente o esfaqueou.
A vítima foi golpeada pelo menos oito vezes e, apesar disso, a filha não tinha uma gota de sangue no corpo. Ainda de acordo com site, o outro filho do casal, de 15 anos, relatou à polícia que a filha assassinou o pai e que a menor foi convincente em depoimento.
De acordo com a PM, a mulher da vítima já havia o denunciando por agressões físicas. O caso foi registrado na 8° Delegacia Regional do Município.
fontes:BCNW

BUSCAR NO SITE: